Histórias Inesquecíveis

Nunca tive muitos livros na minha infância e na minha adolescência. Normalmente lia livros emprestados, da biblioteca ou que eram recomendados na escola. Aqui ficam alguns dos livros que marcaram momentos de muita alegria na minha infância e adolescência e que nunca mais esqueci:

As belas histórias de Heidi

Heidiheidi_17

heidi_19

Nunca consegui reunir a colecção toda, mas sei que li mil e uma vezes todos os volumes destes pequenos livros que me foram oferecidos por uma tia-avó. Nunca os esqueci e quando recordo as histórias da Heidi e do Marco é sempre com muito carinho.

Na minha adolescência devorei muitos livros dos Arrepios, que aliás mantenho bem “arrumadinhos” na minha estante:

arrepios

Pela escola foram recomendados muitos livros que eram de leitura obrigatória, os que mais recordo são:

A Floresta de Sophia de Mello Breyner Andersen

a_floresta

O Velho e o Mar de Ernest Hemingway

Um livro que me disse muito na altura, por questões pessoais, e que me lançou na procura de outro tipo de literatura.

O velho e o mar

Os Maias de Eça de Queirós

Talvez o meu livro português preferido

Os maias

Estes são apenas alguns dos livros que me marcaram, existem outros que também relembro com carinho como “A grande viagem à floresta” um livro com histórias de gnomos, gigantes e fadas. Os livros da colecção “Uma Aventura”, nomeadamente “Uma aventura em Macau” e “Uma aventura em Lisboa”.

Recordo ainda “A Pérola” de John Steinbeck e “Sexta-feira ou a vida selvagem” de Michel Tournier.

a-perola-finalsexta feira ou vida selvagem

E não poderia deixar de referir “Harry Potter”. Fui e sou uma grande fã desta saga. Foi nesta altura que descobri o que era “Devorar livros”.

harry potter

Existem muitos mais. Mas para já fica por aqui 🙂

Anúncios