Adições à estante – Mês de Janeiro

Empréstimo:

a-fada-do-lar

Obrigado Ana por mais um emprésimo! 🙂 Estou muito curiosa para o ler. 🙂

Aquisições:

a menina que fazia nevar

avidadejesusacreditar rezar e amar

Anúncios

Opinião: A menina que fazia nevar de Grace McCleen

 

Livro: A Menina que Fazia Nevara menina que fazia nevar

Autora: Grace McCleen

Páginas: 332

Sinopse: Judith McPherson é uma menina de dez anos que vive com o pai numa pequena cidade do Reino Unido. Mas entre o bullying a que é sujeita na escola e a relação distante que o pai, um homem de grande fervor religioso, tem com ela, os seus dias são bastante solitários e sombrios.
No mundo em miniatura que construiu no seu quarto que consegue encontrar algum consolo. Chama-lhe a Terra de Leite e Mel e construiu-o sobre os alicerces da fé e do encantamento. A Menina Que Fazia Nevar é uma reflexão perspicaz sobre a natureza poderosa da fé e o perigo dos fundamentalismos religiosos, e um hino à força da imaginação e do amor.

Sinopse:

A capa deste livro é lindíssima e foi uma das razões que me despertou curiosidade em lê-lo. Após ler a sinopse, que me cativou da mesma forma que a capa, foi quase inevitável não o ler imediatamente!

Esta é a história de uma menina de dez anos, Judith, vítima de bullying e filha de um membro de uma comunidade cristã. O relato é da própria menina e é emocionante de se ler pela inocência patente nos seus pensamentos.

A autora, Grace McCleen, cresceu numa comunidade marcada pelo fundamentalismo religioso o que se reflete na sua história e nas questões inevitáveis e delicadas que são abordadas com a personagem da pequena Judith. Apesar dos temas abordados serem fortes, a escrita é simples e muito fácil de ler. Em certos momentos é quase mágica!

O comportamento de vítimas de Bullyind, a religião e as suas consequências, a fé e aquilo que realmente significa e a inocência de uma criança, são alguns dos temas que nos “colam” a este livro desde o início. Adorei e é um livro que recomendo não só pela sua mensagem mas também pela escritora que me surpreendeu.

Saliento ainda, que é um livro com uma mensagem diferente para cada leitor, pois a metáfora existente em toda a história pode ser interpretada de formas diferentes dependendo de quem lê! Muito interessante! Faz-nos reflectir! Recomendo vivamente!

Novidades Editorial Presença

a menina que fazia nevar

Sinopse: Judith McPherson é uma menina de dez anos que vive com o pai numa pequena cidade do Reino Unido. Mas entre o bullying a que é sujeita na escola e a relação distante que o pai, um homem de grande fervor religioso, tem com ela, os seus dias são bastante solitários e sombrios.
No mundo em miniatura que construiu no seu quarto que consegue encontrar algum consolo. Chama-lhe a Terra de Leite e Mel e construiu-o sobre os alicerces da fé e do encantamento. A Menina Que Fazia Nevar é uma reflexão perspicaz sobre a natureza poderosa da fé e o perigo dos fundamentalismos religiosos, e um hino à força da imaginação e do amor.

O Rapaz do Caixote de Madeira editorial presença

Sinopse: Leon Leyson tinha apenas dez anos quando os nazis invadiram a Polónia em 1939 e a sua família foi forçada a viver no gueto de Cracóvia. Neste seu livro de memórias, Leon começa por nos descrever uma infância feliz, na sua aldeia natal e felizmente para a família, o seu caminho cruzar-se-ia com o de Oskar Schindler que os incluiu na célebre lista dos trabalhadores da sua fábrica. Na altura com apenas 13 anos, Leon era tão pequeno que tinha de subir para cima de um caixote de madeira para chegar aos comandos das máquinas. Ao longo desta história, que reproduz com autenticidade o ponto de vista de uma criança, Leon Leyson deixa-nos entrever, no meio do horror que todos os dias enfrentavam, a coragem, a astúcia e o amor que foram necessários para poderem sobreviver.

Disponibilidade de ambos os livros a partir de 09-01-2014 (pré-lançamento)