Opinião: A Hora do Vampiro de Stephen King

 

Livro: A Hora do Vampiro

Autor: Stephen King

Páginas: 516

Sinopse: Ben Mears, um escritor de sucesso, regressa ao Lote de Jerusalém (também conhecido como Lote de ‘Salém), no Maine, para escrever um livro acerca da casa que o assombra desde criança. Ao chegar à sua cidade natal, depara-se com um cenário de pesadelo: a cidade, isolada, está infestada de vampiros, que espalham o caos e a morte. na esperança de conseguir travá-los, Ben Mears consegue reunir um pequeno grupo de pessoas para combater o Mal que invadiu a cidade.

Opinião:

Quando juntamos terror, vampiros e Stephen King é a receita para umas horas de leitura insaciável. Existe algo de muito especial na escrita deste brilhante autor. É apelidado, por muitos, como o “mestre do terror” e neste livro faz jus a esse nome.

A sua narrativa é muito bem construída, onde tudo tem uma ligação, por mais insignificante que pareça. Rapidamente mergulhamos neste mundo imaginário de King e o tempo parece que voa e desaparece mediante o compasso das páginas desta obra. As suas personagens brilham de forma individual e todas elas (mesmo as mais secundárias) têm uma história e uma base que estabelecem uma ligação de empatia com o leitor.

As cenas de suspense e horror estão muito bem delineadas. Senti, por vezes, que estava a ver um filme, pela qualidade da sua escrita. Mais uma vez adorei ler Stephen King. Este livro é fantástico. Recomendo a todos os que gostam de uma boa história de terror!

Classificação: 6*

Também li deste autor:

O Retrato de Rose Madder (Opinião aqui)

A Metade Sombria (Opinião aqui)

 

Stephen King na Estante

A minha estante apresenta-se mais rica, com dois empréstimos do romancista norte-americano, Stephen King.

misery

Misery de Stephen King

Paul Sheldon é um famoso escritor de romances cor-de-rosa, tornado célebre pela personagem principal das suas obras, Misery Chastain. Porém, Sheldon entendeu que estava na hora de virar a página e decidiu «matar» Misery.
É então que sofre um terrível acidente de viação e é socorrido por Annie Wilkes, uma ex-enfermeira que o leva para sua casa para o tratar. O que Paul não sabe é que Annie, a sua salvadora, é também a sua maior fã, a mais fanática e obcecada de todas — e está furiosa com a morte de Misery.
Ferido e incapaz de andar, totalmente à mercê de Annie, Paul é obrigado a escrever um novo livro para «ressuscitar» Misery, como uma Xerazade dos tempos modernos nas mãos de uma psicopata tresloucada que há muito deixou de distinguir a realidade da ficção.
Repleto de complexos jogos psicológicos entre refém e captor, Misery é uma obra de suspense e terror no seu estado mais puro.

a-hora-do-vampiro

A Hora do Vampiro de Stephen King

Uma cidade, Sálem, uma casa assombrada e os seus inquilinos (dois vampiros) são o ponto de partida para esta história maravilhosa de vampiros bem escrita e ao mesmo tempo assustadora.

Obras já li deste escritor:

rose madder

O Retrato de Rose Madder (ver opinião aqui)

Bom Fim-de-Semana 🙂 Boas Leituras!