Opinião: Os Pássaros da Morte de Mo Hayder

 

Livro: Os Pássaros da Morte (Livro 1, Jack Caffery)os pássaros da morte mo hayder

Autora: Mo Hayder

Páginas: 340

Sinopse: No seu primeiro caso como investigador principal na Brigada Anti-Crime de Londres, o jovem detective Jack Caffery depara-se com um caso de um serial killer em ascenção. A descoberta do corpo de uma jovem mulher numa lixeira próxima do Millennium Dome de Greenwich abre as portas a estes sórdidos crimes. Um a um, são descobertos mais quatro corpos a apenas a alguns passos do primeiro. Cinco cadáveres, todos jovens mulheres brutalmente assassinadas de forma ritualistíca e estranhamente precisa. Para além da autópsia ter revelado que todas as jovens eram prostitutas, e a todas elas tinham sido injectado uma dose letal de heroína, directamente na base do crânio, e após falecimento tinham sido violadas. Como se não bastasse, descobriu-se mais um aspecto, o mais macabro de todos, que indica um único criminoso: na caixa toráxica encontrava-se, no lugar do coração, um pássaro vivo. Usando todas as armas de que a ciência forense dispõe, Caffery e a sua brigada anti-crime travam uma luta contra o tempo, antes que o “Violador do Millennium” ataque de novo…

Opinião:

Começo a suspeitar que alguns escritores têm um pouco de psicopatas em si mesmos. Mo Hayder está no topo da minha lista de escritores com aparentes sintomas de distúrbios mentais (e esta é a minha estreia nas obras desta escritora). Não me interpretem mal, mas após ler este livro cheio de descrições perversas na morte de um ser humano e cenários de terror de deixar nauseado até o leitor mais imperturbável, é a única introdução satisfatória para reflectir a minha opinião de forma fidedigna.

Confesso que houve capítulos em que tive de parar a leitura para poder respirar, devido às descrições muito duras, cruas e frias de alguns cenários impensáveis para a minha mente.. A meio do livro decidi fazer uma pesquisa do escritor, convencida de que iria encontrar a imagem de um homem taciturno e de bigode (por vezes tenho uma imaginação algo fértil e ilusória, lol). Qual não foi o meu espanto quando dei de caras com uma escritora romancista britânica, loira e de aspecto frágil! Foi uma grande surpresa! Como diz o velho ditado “Não julgues o livro pela sua capa”.

Apesar de tudo, foi uma leitura desafiante, de mensagens directas e suspense nas entrelinhas. Este é o primeiro livro da série protagonizada pelo detective Jack Caffery, que já conta com sete livros editados internacionalmente. Gostei mas não recomendo a leitores de estômago sensível e com propensão a pesadelos de noite. 🙂

Classificação: 3*

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s