Sugestão de Leitura – Janeiro 2014

 

Livro: A criança que não queria falara criança que não queria falar

Autora: Torey Hayden

Páginas: 240

Sinopse: Era uma criança de seis anos insociável, violenta, perdida num mundo de raiva e sofrimento… até encontrar uma jovem e brilhante professora.
Esta é a história verídica e comovente da relação entre uma professora que ensina crianças com dificuldades mentais e emocionais e a sua aluna, Sheila, de seis anos, abandonada por uma mãe adolescente e que até então apenas conheceu um mundo onde foi severamente maltratada e abusada. Relatada pela própria professora, Torey Hayden, é uma história inspiradora, que nos mostra que só uma fé inabalável e um amor sem condições são capazes de chegar ao coração de uma criança aparentemente inacessível. Considerada uma ameaça que nenhum pai nem nenhum professor querem por perto de outras crianças, Sheila dá entrada na sala de Torey, onde ficam as crianças que não se integram noutro lugar. É o princípio de uma relação que irá gerar fortes laços de afecto entre ambas, e o início de uma batalha duramente travada para esta criança desabrochar para uma vida nova de descobertas e alegria. Desde a sua publicaçã o, em 1980, o livro já vendeu 8 500 000 exemplares no Reino Unido  e foi traduzido em 27 línguas, tendo sido um bestseller em vários países.

Opinião:

Li este livro há uns bons anos atrás, contudo é daqueles livros que não se esquecem. Por isso, decidi destacá-lo na rúbrica “Sugestão de Leituras” deste mês.

Torey Hayden tem uma formação profissional muito diversificada, no entanto dedicou-se durante grande parte da sua vida ao ensino especial e escrita. A suas histórias baseiam-se nas crianças e adultos que conheceu no decurso da sua actividade profissional. São baseadas em factos verídicos e relatadas pela própria.

Esta história em particular apresenta-nos Sheila, uma criança de seis anos vítima de maus tratos. Torey, a professora, trabalha de uma forma persistente e emocionante para tentar uma aproximação a esta criança, que não fala e possuidora de um comportamento deslocado e diferente de qualquer criança da sua turma. O relato é simples e acessível, no entanto tem alguns momentos delicados e fortes que podem sensibilizar o leitor. Um livro óptimo para quem gosta de psicologia e sociologia ou apenas para quem gosta de histórias emocionantes que nos tocam a alma.

O laço que se cria entre esta professora e esta criança é inesperado, emocionante e revela-nos um mundo que muitas vezes não vislumbramos nas nossas vidas agitadas e caóticas do dia-a-dia. Um laço de amizade, esperança e amor!

Aqui fica a minha primeira sugestão de leitura de 2014! Espero que gostem tanto como eu gostei!

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s