Curiosidade: O cheiro dos livros

cheirar livros

Sabem porque é que o cheiro dos livros antigos atraem tanta gente??

Os livros têm aquele cheiro maravilhoso a baunilha por causa da Lignina. Agora vocês perguntam, mas o que é a Lignina??

“A lignina, é uma substância que impede que todas as árvores se curvem, é um polímero feito de unidades que são relacionadas à vanilina. Quando transformada em papel e conservada por anos, ela cheira bem. E essa é a maneira como a Divina Providência organizou as coisas para que os donos de sebos possam ter o cheiro de baunilha, dando uma fome de conhecimento a todos nós.”

Agora se alguém te chamar de louco por cheirar os seus livros, explique que a culpa é da Lignina, e aí cabe a você decidir se vai explicar o que significa essa palavra, ou mandar seu amigo ir pesquisar…. lol

Curioso, não é ??

Anúncios
por momentosdemagia Publicado em Random Com as etiquetas

Opinião: Pura Malícia de Jill Mansell

 

Livro: Pura Malíciapura malícia

Autora: Jill Mansell

Páginas: 344

Sinopse: Não é que Janey não tenha ficado feliz por ver a irmã, mas ser acordada às sete da manhã por Maxine, trajada de noiva e com escolta policial, não foi bem a maneira como planeara começar o seu domingo.
Contudo, a vida nunca é entediante quando Maxine está por perto e Janey, a reconstruir a vida após o desaparecimento do marido, fica encantada com o regresso da irmã.
As coisas só começam a aquecer quando Maxine põe a vista em Guy Cassidy, um fotógrafo de moda tão competente quanto deslumbrante – é que Janey sabe que não há limites para as tropelias que a irmã vai fazer para destruir a concorrência.
O que elas não sonham é que a concorrência está mais perto de casa do que imaginam…

Opinião:

Jill Mansel tem o dom de nos fazer rir a bandeiras despregadas e simultaneamente de nos emocionar com a sua escrita espevitada, bem humorada e romântica. Este livro com uma capa bastante apelativa e que não passa despercebida, iluminou os meus dias com uma boa disposição sem igual. Aconteceu-me estar a ler o livro em transportes públicos e de ter uma vontade enorme de rir e de me tentar conter ao máximo de forma a que não pensassem que era maluca. Apesar de alguns olhares desconfiados e algo preocupantes das pessoas, não consegui deixar de ter um sorriso permanente na cara.

Adorei as personagens, a história e o romantismo de toda a trama. Adorava que a escritora tivesse dado mais destaque a Janey e Guy, contudo gostei muito do desenrolar a história e não consegui conter a emoção com a cena final. Adorei e Recomendo!